26/03/2006

cantar

Abençoada seja a chuva. Mas, sábado quando o sol espreitava, mesmo no final da tarde, aproveitei e sentei-me no banco que temos na nossa varanda com a vista desafogada sobre o Vale da Raposa. Fechei os olhos e escutei a ária das centenas de passarinhos que por lá habitam. E pensei « ...abençoada Ela seja.»

3 comentários:

Sandra Pereira disse...

"ibid ibidem"
Sandra

saloia disse...

pois é tu sabes :)*
Mary

Pedro Veiga disse...

Humidade que passou. E agora com a Primavera? Temos que dar um salto até aí...