21/11/2008

chão saloio

A pedra do nosso chão veio de uma pedreira na região saloia e já não existe. São os restos.
Acho que este chão vai durar muitas vidas e espero que quando já não o piso, os que vem
a seguir reconhecem a sua beleza e valor. Não haja dúvida, que as pedreiras têm um impacto ecológico e que responsibilidade na gestão e a recuperação destas pedreiras é necessario e possivél. Infelizemente, nem sempre é o caso.

Ontém e hoje tenho acompanhando a colocação do chão. Com a ajuda do Fernando, escolhemos as pedras, uma a uma para serem colocadas. As cores e as texturas dão para fazer um verdadeiro patchwork e o aspecto e muito semelhante a este chão. Com os seus tons de rosas, verdes, cinzas, e castanhos a alegrar me, espero andar nele muitos mas muitos kilometros para servir chá.

4 comentários:

Suzi disse...

E vais ver que é isso mesmo que vai acontecer Mary!!!

Btw... it's looking GORGEOUS!!!!!!!

Can't wait to see the final result!!!

ana lebre disse...

E eu também, é para quando?

Eira-Velha disse...

Vamos ter de tirar os sapatos para entrar?

isabel disse...

que eu hei-de beber!!!
Lindo!